Jovem que estuprou irmã de 3 anos de idade é condenado


bonecaCom informações de Jota Ninos

O juiz Rômulo Nogueira de Brito, da 6ª Vara Penal de Santarém, condenou ontem à tarde o jovem Manuel Erivaldo Pereira, que estuprou em 2001 sua própria irmã, de apenas três anos. O fato ocorreu em 8 de novembro de 2001, na comunidade de Ponta do Surubiú-açu, na região do Aritapera, quando Erivaldo, 28 anos, teria se embriagado e atacado a própria irmã.

Todas as testemunhas foram ouvidas pelo juiz, numa audiência única que começou às 11 horas da manhã e terminou às 5 da tarde e ao final decidiu condenar o estuprador da irmã.

Em seguida, o representante do Ministério Público, promotor Hélio Pereira, pediu a condenação do réu.

A defensora pública Paula Adrião, pediu diminuição de pena para o réu, levando em conta que era menor à época.

A sentença do juiz foi de 7 anos e meio de reclusão em regime fechado. Por tratar-se de crime hediondo, determinou a prisão imediata do estuprador, sendo este encaminhado à penitenciária.

Erivaldo não poderá recorrer da sentença em liberdade.

Comentário da blogueira aqui: por que nao contam o pinto dele?? Já que nao sabe usar, não merecer ter. Não sou a favor da pena de morte não – tirar a vida de alguém é um direito de quem deu a vida.

Anúncios

Um comentário sobre “Jovem que estuprou irmã de 3 anos de idade é condenado

  1. Cleiton disse:

    estuprar uma menina de 3 anos é covardia d+… nem cabe um pinto ali! coitada, deve ter sido quase rasgada. Esse cara tinha q ter era (desculpe o palavriado) o cú rasgado! e o pinto arrancado

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s